Na corrida por uma vida melhor no centro

A reintegração causava uma certa tensão no prédio

Com a ordem para a desocupação já marcada, os moradores do prédio da Rua General Couto Magalhães, 381, teriam poucos dias para se mudar. Muitos que estavam ali mudariam para outras ocupações, mas alguns já pensavam em voltar a morar de aluguel.

Alice Vergueiro/Futura Press

Imagem lateral da ocupação (Crédito: Alice Vergueiro/Futura Press)

Esse é o caso da dona de casa Daiane Freitas, 25 anos e mãe de duas crianças, que deixou a casa da mãe e morou na ocupação, mas ainda não tinha conseguido se acostumar com a rotina comunitária que existia. A jovem tentaria recomeçar a vida em Interlagos, mais de 20 quilômetros de distância da antiga residência no centro de São Paulo.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s