Em busca de uma vida melhor

A primeira impressão foi “a favela em pé”. No entanto,  Maria da Conceição não teve escolha.  O salário pouco e o aluguel alto faziam com que o dinheiro ficasse cada vez mais restrito.

Saiba mais sobre a ocupação na Avenida Prestes Maia, 911

Centro Ocupado

Quem lhe apresentou o movimento foi um colega de trabalho. Depois de convencer o marido, ela ainda teve que construir a nova moradia. Foram 15 dias subindo e descendo com material de construção. Apesar de toda dificuldade, Maria da Conceição considera  que a vida está muito melhor agora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s