O perigo do bairro e a tranquilidade da ocupação

Mãe e filho viviam em Franco da Rocha antes de ir para a ocupação na Rua 24 de Maio, 207. Regina Aparecida e Eduardo Antônio ainda se adaptam à vida na nova ocupação. O filho da vendedora de 43 anos morava há dois meses no local, quando conversamos com eles. O jovem desempregado de 22 anos ficou um tempo sozinho na antiga casa enquanto a mãe já cuidava da cozinha comunitária do prédio.

Centro Ocupado

Regina chegou à ocupação há mais de um ano. “Eu e uma amiga passando na frente. na entrada do prédio e estava escrito: ‘Quem está cansado do aluguel, participe”. Nesse momento, ela entrou no local e soube que haveria uma reunião do grupo de base do movimento. “A gente cuidava da cozinha, eu e minha amiga. Duas vezes por semana cozinhávamos”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s